20 março, 2008

Nunca ofereçam amêndoas doces à camarada Odete

O frente a frente do "Jornal das 9" da SIC-Notícias esteve prestes a assistir ao primeiro pugilato em directo. Odete Santos e Miguel Relvas trocaram azedas palavras sobre o fim da gestão privada do grupo Mello no hospital Amadora-Sintra. Sem rodeios, como é seu timbre, a camarada Odete levantou a voz e, na despedida, desejou «amêndoas amargas» para o social-democrata. Relvas manteve o fair play, não acusando o toque. O apaziguador Mário Crespo desejou, de seguida, «amêndoas doces» para Odete, mas esta, já em pé, e pronta para sair do estúdio, disse, no seu estilo, que «não gosta de amêndoas doces, porque me fazem colestrol».
Tanta azia na véspera de uma sexta-feira Santa. Não havia necessidade...

2 comentários:

Anónimo disse...

See here or here

Anónimo disse...

Hello. This post is likeable, and your blog is very interesting, congratulations :-). I will add in my blogroll =). If possible gives a last there on my blog, it is about the Monitor de LCD, I hope you enjoy. The address is http://monitor-de-lcd.blogspot.com. A hug.